AS FORMAS MAIS COMUNS DE ACIDENTES DOMÉSTICOS

Por DDS (Diálogos de Segurança On-line)

 

Acidentes-Domésticos-na-Infância

Imagem: brnotícias.com

 

“Nosso lar deve ser um local seguro. A falta de cuidado e atenção podem fazer com que ele se transforme em um local perigoso. As estatísticas indicam que acidentes fatais no lar são mais frequentes do que imaginamos.

 

As formas mais comuns estão ligadas a quedas, queimaduras, envenenamento, choques, asfixia.

 

Agora pense em como os pontos a seguir se aplicam a sua casa.

 

Quedas

 

A maioria das quedas ocorre em casa. 

 

Ninguém está livre de uma queda. Mas você pode prevenir tomando alguns cuidados:

 

– Coloque corrimãos firmes (se possível, dos dois lados), fitas adesivas antiderrapantes nos degraus e interruptores de luz nas extremidades da escada.

 

– Mantenha as escadas desobstruídas, em boas condições e bem-iluminadas.

 

–  Coloque piso antiderrapante na cozinha, no banheiro e nas áreas de serviço.

 

–  Instale grade de proteção no alto da escada se houver crianças na casa.

 

 

Queimaduras

 

Na cozinha as panelas devem ficar com os cabos para dentro do fogão ou da mesa. Isso evita que crianças pequenas puxem os cabos, e o líquido quente caia sobre elas, causando graves queimaduras.

 

Em queimaduras, não use nenhum medicamento ou produto no local. No máximo, lave com água e procure socorro médico.

 

Nunca deixe uma panela com óleo esquentando no fogo enquanto vai fazer outras coisas. O risco de queimaduras e incêndio é muito grande.

 

Envenenamento

 

Não deixe substâncias tóxicas ao alcance das crianças.

 

Todos os produtos de limpeza, pesticidas, medicamentos e produtos de beleza devem ficar guardados em armários e gavetas, trancados com chave, longe do alcance das crianças.

 

Produtos inflamáveis, como álcool ou removedores, devem ser mantidos longe do fogo.

 

Choques

 

Não conserte antenas ou aparelhos elétricos de forma improvisada, sem conhecimento técnico.

 

Ao trocar lâmpadas, desligue a chave geral ntes de fazer a troca.

 

Não deixe as crianças mexerem em tomadas.

 

As tomadas devem possuir protetor, e os fios dos eletrodomésticos devem ficar ocultos, evitando assim que a criança leve choques elétricos.

 

Asfixia

 

O envenenamento por monóxido de carbono provocado por aquecedores domésticos com defeito é muito comum. Representa  a maior causa de envenenamento no local de trabalho e em ambiente doméstico.

 

Para evitar os perigos do monóxido de carbono, peça que um profissional faça a manutenção regular de todos os aparelhos.

 

Atualmente existem diversos tipos de alarmes domésticos que detectam a presença de monóxido de carbono. Sempre tenha a máxima cautela ao usar aparelhos que podem emitir esse gás.

  • Verifique constantemente as condições de segurança de sua casa.
  • Não hesite em fazer consertos e melhorias.

Um lar seguro é responsabilidade de todos os que moram nele. “

Fonte: Diálogos de Segurança On-line

NÉCESSAIRES MASCULINAS

Saiba como montar e organizar um nécessaire masculina

Se você é daquele tipo de mulher que supervisiona a roupa, sapatos acessórios do maridão, noivo ou namorado, vai gostar então de ler este post. Há muitos itens que podem fazer parte do nécessaire, e é óbvio que existem diferenças significativas entre o masculina e o feminina. Mas em ambos os casos a escolha dos itens está condicionada ao dia a dia de cada um.

É importante definir se aquele nécessaire servirá para qual tipo de atividade: trabalho, faculdade, balada ou viagem, para facilitar a organização dos itens.

Produtos básicos que servem em qualquer ocasião: escova de dentes, fio e pasta dental, enxaguante bucal, escova de cabelo ou pente, desodorante e filtro solar.

Academia: além dos itens básicos, inclua xampu, condicionador, hidratante, perfume e desodorante para os pés.

Balada: para quem vai esticar a noite num happy hour ou numa balada logo depois do trabalho, o ideal é levar um gel ou espuma de limpeza para limpar o rosto, principalmente para quem tem pele oleosa,  um bom perfume e os itens básicos.

Viagem: além dos itens essenciais já citados,  inclua barbeador, creme de barbear, loção pós-barba, cortador de unha, hidrante para que a pela não fique ressecada, dependendo do clima do local para onde se irá viajar. 

É importante incluir medicamentos em todos os tipos de nécessaire caso a pessoa faça uso contínuo.

É isso!

 

 

 

LEIA PARA UMA CRIANÇA

Monteiro Lobato

Imagem: Museu da Língua Portuguesa

Hoje comemora-se o Dia do Livro Infantil e o Dia de Monteiro Lobato, um dos maiores escritores da nossa literatura, de livros infanto-juvenis em língua portuguesa. Monteiro Lobato nasceu há exatos 135 anos, no dia 18 de abril de 1882! Quem nunca leu um livro dele levante a mão? Pessoal, como mães e educadoras que somos, devemos incentivar o gosto pela leitura em nossos filhos. Deem a eles bons livros, eduque-os no caminho do bem, e eles jamais se esquecerão. É claro que é muito gostoso ficar com o smartphone, o tablet, o videogame na palma da mão o dia inteiro. Mas tecnologia em excesso fazmal à saúde. Desfrutem momentos de prazer com seus pequenos e leiam um livro para eles! Conselho de mãe e professora que sou e que só colheu resultados maravilhosos com os alunos e filhos. 

Qual é o seu livro preferido do escritor? 

PAGUEI MINHA LÍNGUA: O IMPOSSÍVEL É SÓ UMA QUESTÃO DE OPINIÃO!

Paguei minha língua com um delicioso cachorro-quente frito da minha filha

andressa-na-cozinha

Imagem: Cozinha aqui de casa (As Mulheres Nossas de Cada Dia)

Nunca subestime a capacidade de um filho, especialmente se ela for determinada e não tiver nada o que fazer em uma linda tarde qualquer de quarta-feira. 
Minha filha cismou que queria fazer algo diferente para comer. Saiu em busca de receitas na internet e me falou, bem convicta e confiante, que iria fazer um cachorro-quenta frito para o lanche/jantar. (Aqui em casa temos o hábito de preparar refeições bem leves à noite, para que eu não tenha que ir para a cozinha duas vezes ao dia e por ser bem mais apropriado ao horário noturno. O nosso básico é sempre uma sopa (da qual eu não abro mão NUNCA), saladas, sanduíches light e frutas.  
Pois bem! Dito isso, a filhota decidida foi à geladeira para ver o que tinha e o que estava faltando para  concretizar o seu ideal culinário e achou quase tudo. Foi ao supermercado comprar alguns ingredientes.
Quanto a mim, já havia deixado todo o fogão limpinho, brilhando, do jeito que gosto. Gelei só de pensar que os detalhes finais de limpeza da jornada gastronômica ficariam para mim. Meu Deus!  Mas, quando se quer, tudo se pode conseguir e não há quem nos impeça. 
OBS.: Ela gosta de cozinhar, mas não tem experiência, ou melhor, PENSEI que não tivesse.
Fui para o meu quarto e fiquei reinando no celular. Eis que, de repente, começo a sentir um cheiro maravilhoso, invadindo toda a casa, e ela, aos gritos de alegria dizendo que a receita havia dado MUITO CERTO. E deu, sim.
fritando-o-hot-dog

Imagem: Cozinha aqui de casa (As Mulheres Nossas de Cada Dia)

 

hot-dog-pronto

Imagem: Cozinha aqui de casa (As Mulheres Nossas de Cada Dia)

hot-dog-frito

Imagem: Cozinha aqui de casa (As Mulheres Nossas de Cada Dia)

O lanche ficou maravilhoso, gostoso e bem sequinho. Ela seguiu direitinho as instruções conforme a receita, e o resultado não poderia ser outro.
Bom, e eu? Confesso que, talvez, se tivesse feito, não teria ficado tão gostoso quanto o da minha filha. Eu não botei fé, mas alguém lá em cima sentenciou no ouvido e na mente dela que poderia sim. E o mais importante: a cozinha ficou limpinha: louça lavada, fogão nos trinques e tudo arrumadinho sem que eu tivesse que mover um só dedinho. 
Conclusão: Vou terminar o post com uma frase que gosto muito: “Por não saber que era impossível, eu fui lá e fiz”. Nunca deixe nada, nem ninguém dizerem que você não pode ou não consegue. O impossível é só uma questão de opinião alheia. 
E para finalizar, a receita:
Pão de forma (uma fatia para cada rolinho)
Requeijão para besuntar.
Uma fatia de queijo muçarela para cada rolinho.
Uma salsicha para cada rolinho.
Uma xícara de farinha de rosca.
Uma xícara de queijo parmesão ralado.
Uma colher de sopa de salsinha.
2 ovos.
Óleo para fritar.
Preparo:
Pegue cada fatia de pão, amasse com uma colher ou com o rolo de macarrão suavemente. Passe requeijão em cada fatia, acrescente a muçarela e por último a salsicha. Faça rolinhos, embrulhe no papel alumínio e leve à geladeira por 20 a 30 minutos. Retire, passe no ovo e na farinha de rosca misturado com o queijo e a salsinha. Frite em óleo quente.

DIY – LEMBRANCINHAS PARA ANIVERSÁRIO DE CRIANÇA

DIY

lembrancinhas_festa_eduardo

Imagem: As Mulheres Nossas de Cada Dia.

Pessoal, boa noite!
Dica de DIY para as mamães que querem dar lembrancinhas nas festas dos seus pimpolhos.
Confesso que fiquei apaixonada pelo capricho da mãe da aniversariante, que pesquisou ideias no YouTube e personalizou a festa da filha.

👉Garrafa com flores: garrafinha encapada com bexiga decorada e um raminho de flores.

garrafa_aniversario-duda

Imagem: As Mulheres Nossas de Cada Dia

Parece pintada, né? Mas não é. Me encantei. Esse já está decorando meu lavabo 😁

👉Miniálcool em gel: atentem para o detalhe do lacinho. 👏👏. Que charme!

gel_aniversario_eduarda

Imagem: As Mulheres Nossas de Cada Dia


👉Confetes de chocolate.

confete_aniversario_duda

Imagem: As Mulheres Nossas de Cada Dia


👉 Duas garrafinhas de água com lacinhos.

garrafinhas_aniversario_duda

Imagem: As Mulheres Nossas de Cada Dia

E ainda vieram um caderninho e uma caixinha de lápis de cor para colorir e uma garrafinha para água e balinhas.
O tema escolhido foi o Frozen: Uma Aventura Congelante.
Muito carinho, gente, muito carinho. A mamãe da Eduarda me disse que nunca levou jeito para artesanato 🤔🤔. Imaginem se levasse!!! Basta ter determinação e força de vontade que se consegue. É tudo feito com material barato comprado em um grande centro comercial aqui de São Paulo. Talvez, o que tenha dado um pouco mais de trabalho tenham sido as impressões.
Quem sabe alguém não encontra uma nova forma de ganhar dinheiro 😏?! #ficaadica. Apenas uma entre as centenas de milhares que rolam por aí.

A VIDA

 

a-vida_mario-qunitana

Pois é!
Por isso, mais lar e menos casa; menos preocupações com tarefas e rotinas domésticas e profissionais e mais days off em nossos work days; mais qualidade de vida e menos estresse; mais espiritualidade e menos materialidade; mais presencialismo e menos virtualismo; mais natureza e menos tecnologia; mais amor, fé, luz e sabedoria em nosso caminhar porque o tempo não volta e é implacável com todos. Tudo aqui um dia vai ficar e nós iremos. Por isso, vamos viver a vida em toda a sua plenitude e da melhor forma que pudermos. A maturidade me faz enxergar dessa maneira, e, graças a Deus, estou percorrendo o caminho que me faz feliz.
Ótimo final de semana a vocês! Que Deus derrame bençãos em abundância na vida de cada um! ❤❤🙏🙏

E não se esqueçam: 

cancerdemama

Toquem-se! Cuidem-se! Amem-se! Façam Mamografia!

E MAIS UM ANO DE VIDA

  E hoje me deu vontade de falar um pouco sobre minha família!  Essa linda mocinha aí da foto é minha filha, que completou ontem 28 anos de idade. Minha companheira de todos os dias! Sempre aprendendo muito com ela. … Continuar lendo

As 7 Prioridades Da Vida

Imagem: Jonh French

Imagem: Jonh French

Durante uma longa viagem cruzando cidades dos Estados Unidos para participar de um concurso de violão e no auge de seus vinte anos, Alan Drake, orador e professor americano, aproveita as muitas horas para meditar e refletir sobre sua vida. O que ela significava? Algumas atividades eram mais importantes do que as outras? Será que estava gastando seu tempo com coisas desnecessárias para chegar ao final da sua passagem pela Terra, olhar para trás e ter se arrependido de ter perdido tanto tempo com coisas que não valiam a pena? Pensando nisso, o autor elenca uma lista com as sete prioridades de sua vida para nunca mais perder a importância e a finalidade de se estar vivo, comparando cada categoria para estabelecer as atividades mais importantes com base em seus valores. Desde então, essas prioridades nunca mais perderam a importância na vida do autor.

Todas as responsabilidade e atividades e atos se encaixam perfeitamente nessas sete categorias na seguinte ordem: 1. Deus. 2.Caráter. 3. Família. 4. Amigos e Conhecidos. 5. Saúde 6. Trabalho e Propósito e Destino. 7. Finanças e Bens.

Quando elas são priorizadas, acontece o seguinte:

1. Deus: Precisa vir em primeiro lugar. Ele nos criou e escreveu as regras da vida. Enxergar a vida por meio da perspectiva divina nos traz entendimento no âmbito espiritual, material e eterno.

2. Caráter: Diz respeito ao desenvolvimento do caráter e descoberta de nossa identidade (quem eu sou, meus dons, meus pontos negativos, positivos, atitudes, motivações, questionamentos, escolhas e pensamentos).

3. Família: Inclui as responsabilidades no que diz respeito à formação e a sustentação em bases sólidas e estáveis (casamento, filhos e outros relacionamentos familiares).

4. Amigos e conhecidos: Abrange as relações pessoais e as não familiares. São tantas que se considerarmos todo e qualquer encontro como uma possibilidade de aprendizado, conseguiremos entender o grande potencial de todas as interações e do nosso convívio em sociedade.

5. Saúde: Inclui tudo o que precisamos fazer para ter um vida longa e com qualidade. E sobre isso, eu falo constantemente aqui no blog. Aliás, é um dos meus temas prediletos, senão o mais.

6. Trabalhos, Propósito e Destino: Isso inclui todas as atividades que dão propósito a nossa vida e as razões de acordamos e levantarmos da cama todos os dias.

7. Finanças e Bens Materiais: Abrange questões de dinheiro e o necessário para a nossa sobrevivência (moradia, transporte, dinheiro ou outros objetos de desejo e de consumo, mas que devem ser usufruídos com sabedoria para nos prover suporte a fim de alcançarmos nossos objetivos e responsabilidades mais importantes.

E vocês concordam com essa ordem? Fariam alguma troca ou incluiriam algo a mais? Eu, por exemplo, deixaria a saúde em terceiro lugar, porque sem ela não conseguimos tocar nossa vida e nem a de nossa família. 

Deixem seus comentários e opiniões. Vou gostar de apreciá-las.

Sobre o autor: Alan Drake é um instrutor com mais de 25 anos de experiência no sistema de educação pública. Ministra cursos, palestras workshops na América do Norte e Europa.