CONTROLE SUAS EMOÇÕES 

“Pensar antes de reagir é uma das ferramentas mais nobres do ser humano nas relações interpessoais.” (Fonte: Revista Pazes)

Você não precisa estar certo nem ter razão o tempo todo para ser feliz. Uma boa dose de humildade já nos basta para vivermos em paz conosco e com o próximo! Reprogramar seu cérebro é extremamente saudável.
Uma semana abençoada a todos vocês!

#dicadodia #photooftheday #ficaadica #boasemana #reprogramaçãocerebral #evely_asmulheresnossas.

Anúncios

EXCESSO DE TRABALHO E DE RESPONSABILIDADE

Imagem: Revista VOCÊ S/A

 

Boa noite,  pessoal! 
Eu gosto muito de falar sobre vários assuntos de interesse geral, destinados a homens e mulheres, e quem me acompanha no blogue sabe que não é diferente.

E hoje o alerta é: excesso de trabalho. Será que não estamos com uma carga excessiva de trabalho nas nossas costas? Será que não é tempo de refletirmos e reprogramarmos nosso dia a dia? O que está nos fazendo mal e o que podemos modificar para nosso benefício e para o de quem convive conosco, seja no âmbito profissional ou familiar.? Isso serve para quem não trabalha fora também, pois ninguém melhor do que uma dona de casa para saber como é extenuante esse serviço. Muitos dias eu me vejo nessa situação e estou aprendendo a separar o urgente do necessário, tanto cuidando da minha casa como da minha profissão. Baseado na matéria de capa da Revista Você S/A desta semana, resolvi trazer então essa questão para todos nós, que já estamos fazendo planos para 2017, meditarmos nisso. Vejam os sinais de alerta e repensem a vida para os próximos meses; afinal o futuro começa hoje.

Um grande abraço! 

O QUE FAZER QUANDO ESTAMOS TRISTES, ESTRESSADOS E DECEPCIONADOS?

O que fazer quando estamos estressados, tristes e decepcionados? (Por Patrícia Prado) em  A Mente é Maravilhosa

“Eu poderia escrever sobre muitos assuntos hoje, mas vou tomar a liberdade de escrever sobre como se desestressar ou sentir-se melhor após um dia em que as pessoas ou situações nos deixaram tristes, decepcionados ou estressados.

Só sabe a dor aquele que sente, por isso, nessa vida os relacionamentos são bem difíceis de ser compreendidos e, consequentemente, mantidos. As pessoas podem e magoam as outras muito facilmente, muitas vezes porque conhecem pouco o poder destruidor de suas palavras e atitudes.

Quando nos sentimos decepcionados

Diariamente podemos ser bombardeados por situações provocadas pelas pessoas de nosso convívio. Sei que podemos nos prevenir, evitando a todo custo nos deixarmos levar pelas investidas do outro, mas há dias em que não somos de ferro, e a coisa vem toda para cima da gente como uma avalanche. Muitas vezes nos golpeia; outras, nos derruba sem possibilidade de proteção.

Após a sensação cega de raiva, mágoa e posterior tristeza, temos que pensar em algo que possa unir os caquinhos que sobraram desse embate. Por isso acho válido dividir ações que podem ser muito eficazes em dias assim.

Evite álcool, cigarros ou qualquer outro tipo de entorpecente. Uma vez magoados temos de sentir tudo, há formas mais saudáveis de extravasar a raiva, mágoa e outros sentimentos negativos que sentimos após uma briga ou desgaste emocional.

Procure pessoas confiáveis; pode ser alguém da família, seu marido ou esposa, amigos, mas estar em volta de pessoas que te querem bem já é um grande alívio. Quando sofremos decepções precisamos sentir que alguém nesse mundo merece nossa confiança de novo, assim conseguimos renovar a esperança.

Encontrando esse alguém disposto a ouvi-lo, conte tudo de uma vez, faça uma catarse, tire o peso de tudo que ouviu ou leu. Muitas vezes as pessoas que nos magoaram estão tão cheias de negatividade que depositam sentimentos hostis e pesados em nós, e pela verbalização a tensão diminui.

Peça colo. Isso mesmo, não são só as criancinhas que precisam de um colinho de vez em quando, nós também precisamos de consolo. Nesse momento podemos liberar nossas lágrimas guardadas e extravasar todo o nó na garganta de palavras não ditas e sentimentos oprimidos que nos deixaram decepcionados.

Ouça músicas que realmente fazem sentido na sua vida, melodias que lhe remetem a momentos felizes acalmam seu coração e trazem conforto para a alma. Para mim funciona ouvir Legião Urbana, Djavan, Capital Inicial, Frejat, Elis Regina, Nando Reis, Jorge Vercillo, e por aí vai…

Vá para casa, tome um banho bem gostoso, lave os cabelos, sinta a água pelo corpo, procure respirar fundo, vista-se de pijama, nada melhor que sentir-se confortável para voltar a calma num corpo cansado e frustrado por um dia difícil.

Amo livros para colorir de adultos, eles realmente acalmam. Use muitas cores, pite com força, deixe atensão ali, em cada traço. Ler também pode acalmar, procure um livro mais leve, com histórias de amor ou que seja inspirador.

Assista a uma boa comédia: rir ainda é o melhor remédio para preencher o vazio que toda a decepção nos deixa. Tome um delicioso pote de sorvete Tablito ou peça um açaí em casa, tem gente que prefere chocolates, brigadeiros, ou leite condensado mesmo! Alimento é afeto, então permita-se, pelo menos nesse momento!

Faça algum exercício que goste, pode ser alongamento, Pilates, Ioga, corrida, caminhada, meditação, mas faça um. Os exercícios aliviam a tensão muscular que todos os sentimentos negativos nos trouxeram.

Dormir. Sim, simples assim, nada como uma boa noite de sono para colocar tudo no lugar certo. O sono é o que nos recompõe quando estamos decepcionados. Podemos fazer todo o descrito acima, mas se não dormirmos estaremos com um nível alto de estresse no outro dia, e com certeza minaremos as possibilidades de nossa reconstrução.

Outro dia um colega me escreveu “quando você perde o controle, é porque o outro assumiu o controle”. Assim, quando permitimos que alguém nos deixe fora de nós mesmos, perdemos totalmente o controle de nossas vidas, ficamos cegos, falamos muitas coisas das quais iremos nos arrepender depois, temos atitudes insanas movidas pela raiva. Por isso precisamos rapidamente voltar ao eixo, assumir novamente o controle e nos munir de sentimentos bons que nunca deveriam ter dado espaço para os ruins.”

Fonte: A mente é maravilhosa.

 

DIA DE NÃO FAZER NADA E DE FUXICAR

Vasinho pronto

Boa tarde, pessoal! 

Quem já me conhece um pouquinho sabe que eu vivo falando sobre qualidade de vida, vida simplista, momentos de prazer e de felicidade, momentos de deixar por alguns instantes as prioridades do dia a dia e tirarmos alguns momentos só nosso e aproveitarmos da maneira que quisermos. Cada um tire essa folga quando e como puder e se quiser, ok, gente. Não estou falando para ninguém ficar à toa na vida se tiver compromissos muito importantes.  Mas a experiência me diz que isso nos traz consequências maravilhosas para o nosso “eu” e para a nossa saúde mental, espiritual e física. 

Pensando nisso, ontem eu resolvi tirar a tarde só para mim e me entregar aos caprichos do fuxico. Eu amo trabalhos manuais e sou do tempo em que as boas escolas públicas ensinavam aos alunos essas habilidades. Eu aprendi a bordar, a pintar e, com minha mãe,  a tricotar e bordar tapetes de talagarça. Infelizmente, hoje, as coisas não são mais assim! Mas, deixamos para lá. Não é o intuito agora de discorrermos sobre esse assunto!

Dia de fuxicar: não de fazer fofocas (detesto isso!), mas de aproveitar restinhos de retalho, organizar e enfeitar a casa e contribuir com o meio ambiente. Vejam o resultado!

Fuxicos da dona Evely

Fuxicos da dona Evely (minha casa)

Vamos ao DIY: 

Material:

Sobras de retalho colorido cortado em quadradinhos São necessários uns cinco ou seis quadradinhos para montar as pétalas. 

Agulha.

Linha branca para costura.

Botões forrados ou de metal (se não tiver, pode ser um simples).

Cola quente.

retalho e botão

 

 

Passo a passo: 

1 e 2:

Fuxicos (passos 1 e 2)

3 e 4: 

Passos 3 e 4

 5, 6 e 7:

Passos 5,6 7

E eis o resultado: Foram parar na janela da minha cozinha decorando um minivasinho com cactos e outro com Kalanchoe. 

Vasinho pronto

Minha casa

Vasinho 2

Minha casa

Qualquer dúvida, gente é só deixarem nos cometários, que eu respondo com muito prazer. 

Espero que tenham gostado da sugestão!

Abraços!

 

O QUE REALMENTE IMPORTA?

Download-O-que-realmente-importa-Anderson-Cavalcante-em-ePUB-mobi-e-PDF-370x555

O Que Realmente Importa? (Anderson Cavalcante)

Hoje, eu gostaria de indicar a leitura de um livro que, por curiosidade, eu encontrei na Internet, acabei lendo e gostei bastante. O título é O que Realmente Importa?, do autor Anderson Cavalcanti. pela Editora Sextante.

A obra trata sobre as importantes escolhas que fazemos ao longo da vida e que podem gerar consequências pelo resto de nossos dias: da escolha da carreira, do futuro esposo ou esposa, do local onde vamos morar, da decisão de ter filhos ou não até ações simplesmente corriqueiras como a roupa que usamos para trabalhar ou passear, ou seja, das atitudes mais simples às mais complexas.

Será que era isso mesmo que desejávamos ou foi algo imposto? Por exemplo: você precisa mesmo trocar de carro apenas para dizer para a sociedade que comprou um automóvel zero quilômetro? Precisa fazer exercícios físicos à exaustão para ter uma silhueta ditada pelos padrões da ditadura da beleza que alguém, algum dia, disse que seria a forma ideal e perfeita? Precisa comprar mesmo uma roupa de grife apenas pelo fato de postar fotos nas redes sociais por uma questão de manter um status aparente? O que é mais importante: trancar-se no escritório e passar o final de semana inteiro trabalhando ou tirar alguns preciosos minutinhos para passar com a sua família, ver seus filhos crescendo e apreciar as coisas boas e simples do nosso viver? Esses são alguns exemplos apenas das decisões que pautam nossa vida diariamente.

Ter clareza daquilo que queremos para nós, das nossas escolhas, aliadas às nossas missões e valores nos ajudam a buscar nossa essência e não desperdiçarmos tempo com aquilo que não importa, não faz sentido ou não nos leva a lugar algum.

O livro ainda traz capítulos que falam sobre humildade, fé, dignidade, integridade, amor, ações, objetivos, metas e sobre as coisas boas da vida

“Faça suas escolhas, busque aquelas que vão completá-lo, não aceite nenhuma que o distancie de si mesmo, prefira sempre sua verdade; assim, cada decisão tomada será um passo em direção ao seu propósito e você vai se sentir plenamente realizado.”

Um livro que a gente lê num piscar de olhos e num ritmo bem agradável.

E para você? O que realmente importa? 

QUAL É A TUA OBRA?

Dica de Leitura

QUAL É A TUA OBRA?

Qual é a tua obra?”, de Mário Sérgio Cortella, uma das mentes mais brilhantes desse século e dispensa apresentações.
Convido a lerem essa obra. Apesar de ter sido escrita há mais de sete anos, é atual e válida para ontem, hoje e sempre!

“Às vezes temos a ânsia de sermos algo que não tivemos sequer tempo ou maturidade para desenvolvermos, mas na verdade é que hoje estamos na erados tempos velozes.Qual é a minha obra? Ser reconhecida, construir uma nova competência?Saber a diferença entre o erro e a negligência? Enfrentar o medo da mudança? Saber o tamanho que tenho dentro do planeta? Qual é a minha obra, qual é a tua, qual é a nossa obra?”

Qual É a Tua Obra ? – Inquietações Propositivas Sobre Ética , Liderança e Gestão.  

Mário Sérgio Cortella

Editora Vozes.

Recomendadíssimo, assim como as demais obras do autor e também seus podcasts, que vão ao ar pela Rádio CBN de segunda à sexta.

Boa leitura e boas reflexões!

PROBLEMAS… QUEM OS QUER!

[Para Reflexão] “Isso é mesmo um problema?”

 

Vejam que belo texto com excelentes reflexões sobre os (eventuais) problemas que, às vezes, julgamos ter e que se tornam um fardo pesado inconscientemente. Ótimos ensinamentos, inclusive para esta que vos escreve. 

 

Como não ter mais problemas (Por Gustavo Gitti) – Revista Vida Simples

 

“Durante um chá, café ou Skype, enquanto a pessoa conta sobre seu relacionamento, uma parte de mim compreende o quanto a história é mesmo complicada, mas a outra parte pergunta: onde exatamente está o problema? Desconfio que ela só reclama de algo específico por- que ainda não desistiu da esperança de se relacionar sem complicações. Ora, enquanto nossas mentes forem embaçadas e tensas, sem treinamento algum, como esperar que nossas relações sejam diferentes? Porque podemos trabalhar com qualquer situação, não seria errado dizer que ninguém tem problema. O problema começa quando a pessoa tranca, risca uma linha e diz: “Isso é um problema, isso não deveria acontecer, agora eu tenho de fazer algo diferente do que eu gostaria!” Imagine que eu faça uma trilha para chegar o quanto antes a um lugar onde serei benéfico. Sou picado por alguns mosquitos, começo a me debater, me jogo no chão e fico ali, gritando e chorando. Sofrimento é isso. O problema nunca é a picada, nunca é o que acontece, mas nossa incapacidade de seguir — e toda a cadeia de reações a partir do momento em que trancamos. Ora, após a picada, o que preciso fazer não é diferente: é a mesma coisa que eu estava fazendo. Basta seguir respirando e avançando. Mesmo se a picada for venenosa, seguir significa buscar um antídoto, uma injeção, mas é seguir, não é travar. Onde está o problema? Um buraco, um mosquito, uma tempestade, um assalto não são coisas externas à trilha, não nos tiram da trilha. A trilha é isso! Traição, morte, doença, dívida, brigas, adversidades, nada disso é externo à vida. Quando alguém nos trai, onde está o problema? Sofremos quando não conseguimos seguir e reconhecer o obstáculo como o próprio caminho para mais equilíbrio, sabedoria e compaixão. Para uma pessoa que ainda não descobriu seu potencial interno, sim, um problema é realmente um problema — não adianta fingir que não é. Mas para uma pessoa que tem métodos de transformação, quanto maior o problema, maior a oportunidade de abrir o coração, liberar as fixações mentais, oferecer, ajudar. Quanto maior a bolha de seriedade, maior o sorriso necessário para atravessá-la. Mesmo a pior situação é aproveitada. Tudo se torna uma diversão. Conseguimos apreciar e nos deliciar com qualquer experiência, venha como vier, do jeitinho mesmo que vier. Não mais rejeitamos a vida. Nesse sentido, nossa prática é seguir. Incessantemente, sem travar. Quanto mais fazemos isso, mais nossa energia se torna autônoma, sem depender tanto do que acontece ao redor. Destemidos, estáveis, e também relaxados, sensíveis e disponíveis, nos capacitando para sermos úteis quando tudo desabar. A palavra em sânscrito para essa qualidade a ser cultivada é virya, ora traduzida como esforço, diligência ou perseverança. A melhor tradução que já ouvi é “energia constante”. Constante porque ela surge não pela força pessoal de carregar um fardo, mas da própria vida, que segue e nos desafia a seguir junto.”

 

REFLEXÃO

“Seu tempo é limitado, então não o desperdice vivendo a vida de outra pessoa. Não fique preso pelo dogma – que é viver pelos resultados do que outras pessoas pensam. Não deixe o ruído da opinião dos outros afogar a sua voz interior. E o mais importante, tenha a coragem de seguir seu coração e sua intuição. Eles de alguma forma já sabem o que você realmente quer se tornar. Tudo o mais é secundário.” (Steve Jobs)

SE UM CACHORRO FOSSE PROFESSOR, VOCÊ APRENDERIA COISAS ASSIM

Bom dia, queridos leitores e amigos.

Hoje, o assunto que eu trago é para reflexão. São lições que podemos aprender com os cães, que foram trazidas pela leitora do nosso blog Andrea de Paula. São fundamentos simples de serem colocarem em prática e que, certamente, vão tornar-nos seres humanos bem melhores e muito mais felizes!

SE UM CACHORRO FOSSE PROFESSOR, VOCÊ APRENDERIA COISAS ASSIM:

1°) QUANDO ALGUÉM QUE VOCÊ AMA CHEGA EM CASA, CORRA AO SEU ENCONTRO.

2°) NUNCA PERCA A OPORTUNIDADE DE IR PASSEAR.

3°) PERMITA-SE EXPERIMENTAR O AR FRESCO NO SEU ROSTO.

4°) MOSTRE AOS OUTROS QUE ESTÃO INVADINDO SEU TERRITÓRIO.

5°) TIRE UMA SONEQUINHA NO MEIO DO DIA E ESPREGUICE ANTES DE LEVANTAR.

6°) CORRA, PULE E BRINQUE TODOS OS DIAS.

7°) TENTE SE DAR BEM COM O PRÓXIMO, E DEIXE AS PESSOAS TE TOCAREM.

8°) NÃO MORDA QUANDO UM SIMPLES ROSNADO RESOLVE A SITUAÇÃO.

9°) EM DIAS QUENTES PARE E ROLE NA GRAMA, BEBA BASTANTE LÍQUIDOS E DEITE DEBAIXO DA SOMBRA DE UMA ÁRVORE.

10°) QUANDO VOCÊ ESTIVER FELIZ, DANCE E BALANCE TODO O SEU CORPO.

11° ) NÃO IMPORTA QUANTAS VEZES O OUTRO TE MAGOA, NÃO SE SINTA CULPADO…VOLTE E FAÇA AS PAZES NOVAMENTE.

12° ) APROVEITE O PRAZER DE UMA LONGA CAMINHADA.

13°) SE ALIMENTE COM GOSTO E ENTUSIASMO.

14°) COMA SÓ O SUFICIENTE.

15° ) SEJA LEAL.

16°) NUNCA PRETENDA SER O QUE NÃO É.

17° ) E O MAIS IMPORTANTE DE TUDO:
QUANDO ALGUÉM ESTIVER NERVOSO OU TRISTE, FIQUE EM SILENCIO, FIQUE POR PERTO E MOSTRE QUE VOCÊ ESTÁ ALI PARA CONFORTAR.

“ E NÓS PRECISAMOS APRENDER ISTO COM UM ANIMAL, QUE DIZEM SER IRRACIONAL…”

* É o que eu sempre digo: Os animais não falam porque não precisam. Pensem e reflitam.
Um ótimo final de semana a todos!